Ir além do básico tambem é gratis

Faz um tempinho que eu estou querendo fazer um post seguindo os moldes da campanha do Marco Gomes, que também gerou o post do Diego Eis, e finalmente consegui um tempinho para expressar também a minha opinião nesse assunto! :)

Conheço muitas pessoas que fazem faculdade relacionada a programação, mas não aplicam o que estão vendo por lá, acham que já estão fazendo demais em ir para a faculdade e ficar lá no tempo em que o professor está falando…Ou seja, essas pessoas não estão indo a faculdade para aprender algo para colocar em prática, eles estão lá simplesmente para “passar de ano”.

As vezes não é nem tanto com faculdade também, tem pessoas que não fazem faculdade, querem ser programadores, mas tem aquele pensamento:

Ahh…Eu preciso de uma oportunidade para aplicar os meus conhecimentos

A internet está aí para isso! Você pode ter uma gama monstruosa de ferramentas para brincar se quiser, tantos livros gratuitos para aprender/melhorar sua programação, tantos projetos Open Source para contribuir, cursos on-line gratuitos para fazer, mas o sujeito quer “ganhar uma oportunidade” sem nem mesmo merecer ela.

Esse tipo de pessoa para mim não é programador!

O Marco Gomes costuma chamar esse tipo de pessoa de bunda mole, eu tenho meu termo favorito que é muito utilizado por mim atualmente: Marica!

Gostaria de aprender a fazer isso por que é muito foda, mas parece muito difícil, então vou fazer o XY que é mais zuadinho mas é fácil

Apertar parafusos também é fácil…Se as coisas fossem fáceis colocaríamos robôs para fazer… Marica!

Estou trabalhando na empresa XY mas já estou cansado de lá…Cansei de suporte técnico, eu quero é ir programar, mas sem experiência fica difícil

Vá e consiga sua experiência sozinho, faça um site e mostre quando for na entrevista, como que o cara quer ter experiência sem fazer nada….

Putz…Não conheço nada de Linux esse sistema é uma merda…

Esse é um candidato perfeito a ser um ótimo programador não é?! Primeiro já caiu numa contradição, por que se ele não conhece nada, como sabe que é uma merda? E outras, não quer nem conhecer um sistema diferente onde ele terá suporte nativo a várias linguagens, e não só isso, só o fato de não querer aprender algo gratuito e importante para a carreira já faz dele um marica!

Portanto, vamos a alguns pontos importantes:

  • Invista tempo em aplicar o que você aprende na faculdade, ou caso não faça faculdade, corra atrás de coisas para estudar e aplique elas também.
  • Procure coisas diferente para saber, afinal, quanto maior a sua gama de conhecimentos mais difícil será você dizer para alguem: “Não sei nem o que é isso”.
  • Desenvolva coisas úteis e mostre seus código na internet, isso ainda vai ser muito útil para você ( tanto para aprendizado quanto para apresentação pessoal ).

Para finalizar só quero frisar uma frase do post do Marco Gomes que é muito interesssante e resume muito a minha opinião:

“Você pode mudar sua vida, e até mudar o mundo, com o mesmo equipamento que usa pra ficar o dia inteiro no orkut trocando recadinhos com as peguetes”

Old comments by: Magnun, Marco Gomes, Tagliati, Cayo Medeiros aka. yogodoshi, Tony Fabeen, Lê, Herminio, Simone, Lucas | Not available anymore. :(