Instalando e configurando o monit

Esses dias eu peguei para instalar o monit no servidor da empresa que eu trabalho e sofri um pouquinho com algumas coisas básicas, portanto decidi postar aqui para que seja útil para quem quer começar a utilizar o monit.

Se você usa Ubuntu, você pode fazer download do Monit por apt-get:

sudo apt-get install monit

Se você não usa Ubuntu ou quer a ultima versão do Monit, então faça download do tar.gz http://mmonit.com/monit/download/ e compile.

O Monit tem 2 dependencias:

  • bison
  • flex

Eu resolvi as 2 facilmente utilizando o próprio apt-get:

sudo apt-get install bison flex

Agora é só partir para compilar os fontes! ( prefiro compilar dos fontes em certas ocasiões para pegar a ultima versão ):

./configure
make
sudo make install

E pronto! Lá está o seu monit instalado! Agora é o momento da configuração. :D

O monit utiliza o arquivo chamado .monitrc para saber o que deve ser monitorado e com quais parâmetros, portanto crie um arquivo na sua $HOME com o nome de .monitrc:

vim $HOME/.monitrc

Claro que usarei o vim para isso (qual outro poderia ser né? haha). Agora você deve criar o seu próprio arquivo de configuração dizendo o que o monit deve monitorar e quais critérios deve usar.

Você pode pegar alguns exemplos de arquivos como o do pessoal do mongrel, ou até mesmo da documentação oficial do monit e criar o seu baseado nele. A syntax desse arquivo é de fácil entendimento. :)

Para e-mails eu utilizei a minha conta do Google Apps com a seguinte configuração:

set mailserver smtp.gmail.com port 587 username "[email protected]" password "abc123" using tlsv1, with timeout 15 seconds

Com todas as configurações arrumadas o monit já pode ser iniciado:

monit

E agora você já tem vários comandos para utilizar, é só dar uma lida na documentação do monit para ver o que é possível fazer.

Espero que seja útil para quem ainda não usa nenhuma ferramente de monitoração e gostou do monit. :)

Old comments by: Roger Leite, Flávio Vinícius | Not available anymore. :(